quinta-feira, julho 28, 2005

a surpresa do dia

estava eu a morrer com tanto calor a tentar equilibrar os meus livros numas estantes periclitantes; pelo que, os ordenei por peso, os mais pesados em baixo para darem um pouco de estabilidade, e os mais leves em cima, que me perdoem os que preferem ordená-los por cores, por tamanho ou por ordem alfabética... ;enfim lá estava eu a comer pó e a ouvir música, bem alto, quando me entra o meu pai porta a dentro. estava eu a reviver mentalmente uma cena da minha adolescência com meu progenitor a protestar a mandar-me por a música mais baixo, quando para minha total incredibilidade ele disse:
- oh maria! estás aqui a ouvir uma música bem fixória!
(alheemo-nos do fixória por favor...)
Depois de quase ter recuperado do choque, passo pelo corredor e estava a minha mãe a abanar-se enquanto dobrava roupa:
-ai filha! isto é bem bonito!
Positivamente surpreendida com a recepção deixei a porta a berta para o som ecoar à vontade pela casa toda.
O culpado disto tudo é este senhor:
Image hosted by Photobucket.com
Miles Davis, realmente opera milagres!

4 comentários:

Maria Papoila disse...

Amiga, não pude deixar de rir ao imaginar o teu pai! E lembrei-me de quando ele entrava em casa e nos dizia que só queria ser mulher pra não fazer nada... LOL!
Bons tempos!

paulo disse...

Também tou a precisar de ouvir o Miles... faz o favor de arranjar ao menino....

HA!!! Já chegou o DVD dos "Anjos na América"

legivel disse...

Interessante cena "da vida em família" com Miles Davies por música de fundo e os ´papás-cotas a lembrarem outros tempos.
Livros arrumados por cores?! Nunca tinha ouvido falar...

unknown soldier disse...

a tradiçao já não é o que era...